03 de setembro de 2021

Instituto Alcoa aprova mais de R$ 1,8 milhão no Programa de Apoio a Projetos Locais 2021


Os projetos selecionados atuam nas áreas de educação, empreendedorismo e geração de trabalho e renda.

APOIO A PROJETOS LOCAIS

O Programa de Apoio a Projetos Locais é uma das iniciativas criadas pelo Instituto Alcoa para contribuir com o desenvolvimento dos territórios onde a Alcoa está presente. Realizado anualmente, o edital recebe inscrições de projetos desenvolvidos por organizações da sociedade civil e/ou do poder público nas frentes prioritárias do IA: educação (com foco no Ensino Fundamental), geração de trabalho e renda e empreendedorismo. 

Monica Espadaro, gerente de projetos do Instituto Alcoa, pontua que os projetos apoiados pelo programa têm demonstrado maior maturidade, preparação e consistência. 

“Estamos muito felizes com o resultado do Edital 2021 e com as organizações parceiras que poderão desenvolver os projetos que atendem às demandas da sociedade e aos desafios no campo da educação e geração de renda. O Programa de Apoio a Projetos Locais está contribuindo com a missão do Instituto Alcoa de promover coletivamente a educação e o desenvolvimento dos territórios. Com essas parcerias, buscamos gerar impacto e as transformações necessárias para uma sociedade cada vez mais inclusiva e menos desigual.”

Confira a seguir todos os projetos selecionados:

Juruti

  • “Inclusão Digital em Comunidades no Município de Juruti-PA”, Equipe de Conservação da Amazônia (ECAM)
  • “Revitalizando a Feira da Agricultura Familiar de Juruti”, Sindicato dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares de Juruti
  • “Comunidade Conectada: Um olhar para o futuro”, Associação de Pais e Mestres EMEF Castelo Branco
  • “Iniciativas digitais para comercialização de forma online de produtos e serviços”, Federação das Indústrias do Estado do Pará
  • “Educação Digital para Todos”, Secretaria Municipal de Educação

Poços de Caldas

  • “Festival Mais Ciência Por Favor”, Fundação de Apoio à Cultura, Ensino, Pesquisa e Extensão de Alfenas (FACEPE)
  • “População consciente, coleta eficiente preserva o meio ambiente”, COOPERGORE
  • “Acessibilidade Arquitetônica, transformando vidas”, Associação de Pais e Mestres da EMEB Professor Germinal Ferrari
  • “Construindo Pontes”, Prefeitura Municipal de Andradas
  • “Núcleo de capacitação digital”, Associação Beneficente de Apoio à Comunidade (ABACO)

Além dos projetos aprovados no Edital 2021, a unidade de Poços de Caldas apoiou duas iniciativas com recursos do Programa de Apoio a Projetos Locais, sendo:

  • Projeto Máscara + Renda, em parceria com a Rede Asta
  • Apoio ao 5º Congresso Nacional de Educação, promovido pela GSC Eventos

São Luís

  • “ELOS POR ELAS: empreendedorismo, capacitação e valorização da mulher”, Associação Comercial do Maranhão
  • “Circuito de Empreendedorismo da Diversidade”, Associação Folclórica Bumba Meu Boi de Orquestra Lendas e Magias do Centro Histórico de São Luís
  • “Conectados: superando barreiras, adaptando-se ao novo jeito de aprender”, Federação das Entidades Comunitárias e Similares (FECOS)
  • “Empoderamento e transformação de comunidade”, Instituto Social Kerigma

Edital extra em Juruti

Em Juruti, um edital extra selecionará outras iniciativas a fim de completar o valor disponível para apoio a projetos na região. O novo edital receberá propostas de 8 a 24 de setembro. Inscrições e mais informações estão disponíveis no site do Programa de Apoio a Projetos Locais.  O novo edital pode ser acessado neste link. No dia 10 de setembro, às 10h, o Instituto Alcoa realizará um workshop sobre o novo edital para a região de Juruti e o Ficas, parceiro do Instituto Alcoa, falará sobre elaboração de projetos comunitários.

Destaques de 2021

Um destaque de 2021 ficou por conta dos projetos com foco em diversidade. Em Poços de Caldas, o projeto “Acessibilidade Arquitetônica, transformando vidas”, da Associação de Pais e Mestres da Escola Municipal de Educação Básica Professor Germinal Ferrari, irá adequar a escola para atender a alunos e pessoas da comunidade com deficiências.

Em São Luís, o projeto “ELOS POR ELAS: empreendedorismo, capacitação e valorização da mulher”, da Associação Comercial do Maranhão, irá apoiar a formação profissional de mulheres. Já o “Circuito de Empreendedorismo da Diversidade”, da Associação Folclórica Bumba Meu Boi de Orquestra Lendas e Magias do Centro Histórico de São Luís, terá foco o público LGBTQIA+.